Seguidores

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Osterbaum — ou “Árvore da Páscoa”



Tradição entre os alemães, o Osterbaum — ou “Árvore da Páscoa” — tem sua continuidade na Alemanha de hoje e foi levada a outros países pelos imigrantes, entre eles os que vieram para o Brasil.
A árvore é montada com um galho seco, que simboliza a frieza e morte do sepulcro de Jesus Cristo e enfeitada com ovos e flores, que simbolizam o renascer e a vida.
Levar a tradição alemã para dentro de casa é muito simples. Basta um galho seco, flores artificiais, dessas compradas em lojas de R$ 1,99, cascas de ovos de galinha, tinta e verniz.
No galho, são colocadas as cascas de ovos coloridas. O ovo significa ou simboliza que há vida dentro dele e dali ela brota, apesar de estar escondida até o momento em que a ruptura acontece.
Para preparar os ovos, o processo é simples: reserve cascas de ovos, que devem ter apenas um furo pequeno, pelo qual se retirou o ovo. Lave-as e deixe-as secar de cabeça (furo) para baixo.
Pinte as cascas com tinta plástica ou tinta de papel crepom. Também é possível desenhar e pintar símbolos religiosos ou motivos para as crianças. 
Recorte tiras finas e também pequenos círculos de papel branco; tape o furo colando por cima os círculos e, das tiras, faça alças que também serão coladas na parte superior dos ovos. Também pode envernizar os ovos depois de pintados.
Na Sexta-Feira Santa, coloque em um vaso um galho totalmente seco, sem nenhuma folha, deixando-o exposto em local visível na casa e, finalmente, no Domingo de Páscoa, ao levantar, ornamente-o pendurando os ovos. O Osterbaum pode ser retirado a partir do segundo Domingo após a Páscoa.
Aproveitando a ideia de utilizar ovos de galinha para decorar a casa, outra ideia é aproveitar as cascas para colocar plantas, ou mesmo guloseimas, como amendoins confeitados, pela casa. Fica bonito, criativo, e o melhor, a custo quase zero.


  • Raquel Santana


Nenhum comentário:

Postar um comentário