domingo, 2 de abril de 2017

Anjo da guarda - Tribalistas

Escureceu, o sol baixou
Anjo da guarda cantarolou
Nana neném
Nana neném
Cacheadinho, anjinho é
De manhã sob o sol
Cada gota de orvalho
A secar, é suor
É suor de trabalho
Nana, neném
Nana, neném
Nana, neném
O estudante, o trabalhador
Sente deixar o cobertor
Pega a marmita
Ronca o motor
Leva a beleza
Que a vida é
De manhã sai da cama
Havaiana no pé
Apostila na mochila
Vira logo o café
Nana, neném
Nana, neném
Nana, neném

Nenhum comentário:

Postar um comentário